IKS Cablex
0800 771 0522 • 55 11 4028 0522 • Fax 55 11 4028 2480

Instalação de Cabo de Velocímetro



1º Passo - Modelo e Aplicação: Verifique se o modelo do cabo a ser instalado é compatível com ano e modelo do veículo a ser reparado; essa conferência deverá ser realizada através da etiqueta colocada na parte externa da embalagem do produto ou consultando o catálogo de produtos IKS. (Fig.01)

2º Passo - Instalação e Teste: Após a retirada do cabo danificado, inicie a instalação da nova peça pelo painel de instrumentos, tal procedimento permitirá que seja verificado se o relógio do velocímetro está travado. Gire a ponta do eixo flexível no sentido horário e com ajuda de outra pessoa verifique se o ponteiro do relógio se movimenta. (Fig.02)

3º Passo – Fixação: Ao conectar a porca de fixação do cabo à caixa de mudanças (câmbio), certifique-se de que a mesma ESTEJA bem apertada; Em alguns modelos de veículos isso não é uma tarefa simples, porém deve ser executada com muita atenção, pois as vibrações do conjunto mecânico do veículo passam para o cabo, podendo ocasionar a quebra do eixo flexível, além de provocar ruídos e oscilações do relógio do velocímetro. (Fig.03)

4º Passo - Efeito de Dilatação: Os cabos de velocímetro estão sujeitos ao fenômeno chamado “Efeito de Dilatação da Capa”, que ocorre quando o cabo é exposto a uma fonte de calor anormal, que faz com que a capa se expanda no comprimento; está dilatação faz com que o eixo flexível seja retirado do acoplamento no velocímetro ou na caixa de mudanças provocando o seu rompimento. Assim sendo verifique sempre o correto posicionamento do cabo na carroceria e no chassi do veículo. Situações como esta são muito comuns em alguns modelos de Pick-up onde o cabo de velocímetro passa próximo ao tubo de descarga (escapamento) que é uma grande fonte de calor do veículo. (Fig.04)

Figura 01
Figura 02
Figura 03
Figura 04

Novidades IKS

Inscreva-se para receber notícias e atualizações sobre cabos de comando.